sexta-feira, 10 de abril de 2009

Como é Possível?



Como é possível amar,
Quando o Amor não nos quer?
Como é possível sentir,
Quando os sentimentos são impunes?
Como é possível querer,
Quando em nada se crê?
Como é possível pensar,
Quando só sentimos ciúme?

O porquê disto tudo?
O porquê desta vida?
Nada nesta vida se sente
Nunca esta vida foi sentida

Para quê sentir?
Para quê amar?
Se o amor da nossa vida
Só nos faz chorar?

Para quê chorar?
Para quê sofrer?
Se nesta vida nada queremos?
Se nesta vida em nada se pode crer?

Não cremos em nada
Nem no amor acreditamos,
Para quê sofrer por alguém
Se é outro ser que amamos?

Se outro alguém amamos
Para quê acreditar,
Que é com que estamos
Que felizes vamos ficar?

Felizes nunca seremos
Enganando o coração,
Afastando nossas mentes
E esquecendo nossa paixão

Tentando esquecer
Aquele que amamos,
Só nos fará sofrer
Por aquilo que tentamos

Esquecer quem nos ama
É sinal de má sorte,
Perderemos toda a vida
Esperando pela morte!

5 Pedrinhas Lançadas:

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

Joao, devemos amar sempre, qdo nao somos valorizados, com certeza, tem algo melhor a nossa espera!!
adorei a musica!!muito romantica,é JOELMA NÉ??
FELIZ PÁSCOA!!MUITO AMOR E PAZ!!
LANE

suicide.girl disse...

O amor, quando não é correspondido dói. Dói muito. Porém, ainda assim, não deixa de ser gostoso senti-lo, pois temos uma razão maior de viver e um sentido verdadeiro para sonhar

Ana Martins disse...

Olá,
um poema um pouco triste mas sentido!

Agradeço e retribuo votos de Páscoa Feliz.

Beijinhos,
Ana Martins

Vieira Calado disse...

Desejo-lhe um feliz

Domingo de Páscoa.

Um forte abraço.

•.¸¸.ஐA Borboleta apaixonada pela Rosa disse...

Eu prefiro não viver a não amar!

Beijos e borboleteios

BlogBlogs.Com.Br