terça-feira, 10 de março de 2009

Amor Verdadeiro

Cheguei a mais uma terra
A mais um abrigo,
Serei sempre feliz
Desde que esteja contigo

Desde que esteja contigo
Sempre perto de mim,
Não digo, sempre no abrigo
Mas sempre juntinhos assim

Sempre juntinhos assim
Como só nós sabemos estar,
Seremos os mais felizes, sim
Pois tudo te hei-de dar

Tudo te hei-de dar
Com amor e dedicação,
E é por tanto te amar
Que te amo do fundo do Coração

Amo-te do fundo do Coração
Com toda a simplicidade,
Assim te dou a minha mão
E toda a minha amizade

Toda a minha amizade
E tudo a que se chama amor,
Se um dia perder tua fidelidade
Meu coração morrerá de dor

Meu coração morrerá de dor
Ou até mesmo de saudade,
Mas não por uma traição de amor
Que perderás minha amizade

Não perderás minha amizade
Nem mesmo o meu amor,
Pois sempre te amarei de verdade
Mesmo que me enchas de dor

Mesmo que me enchas de dor
Ou mesmo que penses em traição,
Nem assim meu amor
Tu me sairás do coração!

2 Pedrinhas Lançadas:

Ritinha disse...

gostei do teu blog. adorei os textos... a meneira como descreves cada momento, cada sentimento, cada detalhe... sabes bem k sempre adorei ler o k escreves e como sempre te admirei... adoro-te

NEGROPOETA disse...

Entregação total ao amor. Carinhosamente Dinigro Rocha.

BlogBlogs.Com.Br