domingo, 15 de março de 2009

Talvez Um Dia na Incerteza


Oh! Voz maribunda e doce
Da minha grande saudade,
Voz amarga de quem fica
Tremula voz de que parte

Não me importa morrer sem ti
Na ponta de uma lança,
Não há amor como o meu
Apesar de ser criança

Com toda esta simpatia
Este meu coração quer-te bem,
O que eu faço por ti, amor
Não faço por mais ninguém

Não faço por mais ninguém
O que por ti estou fazendo,
Amor do coração
Só te deixarei em morrendo

És a imagem que guardo
És a rosa que desenho,
És a mulher que amo
És o amor que não tenho

Tu que culpas quem te ama
E odeias que te quer bem,
Tu que culpas quem não tem culpa
E desculpas quem culpa tem

Altas horas da noite
E eu não consigo dormir,
Vejo a visão dos teus olhos
E tua boca a sorrir

Não consigo mais viver
Pois sei que te estou perdendo,
Teu amor por mim acabou
Pelo desgosto vou morrendo

Talvez um dia na incerteza
Te consiga esquecer,
Pois agora com certeza
Amarte-ei até morrer

Amarte-ei até morrer
Apesar da tenra idade,
Mesmo com tristeza e dor
Eu amo-te de verdade

16 Pedrinhas Lançadas:

Beatriz disse...

Ola João.
Como é bom amar e ser amado...
A vida é uma constante incerteza...
é bom morrer de amor!
Deixo-te um beijo e o meu sorriso.
Bea

{Nanda}_A disse...

Que delicia que é amar...
Poder sentir este sentimento... vivenciá-lo e nao apenas observar da janela...

vc é sempre bem vindo no meu espaço...

Alias... tem selo e mini meme por lá... fique a vontade se quiser pegar e responder...

bjs e boa semana

Efigênia Coutinho disse...

Bonito seus versos, uma alma livre, que se solta leve, meus cumprimentos,
Efigênia Coutinho

João Guilherme disse...

Tenho que te parabenizar. é vc que escreve os versos não é?(desculpe duvidar). Muito bom e sabe o que eu acho mais imprescionante é que vc atualiza todo dia.

parabens

Ana Paula disse...

Que lindo este teu cantinho... Estética, conteúdo... tudo é delicioso.
Agradeço a visita e retribuo dizendo que também pretendo voltar sempre a este espaço tão agradável.
Abraço.

EMF disse...

Gostei.Força para o maior blog de poesia romantica da web!Grande abraço Johnny!

Málvadinha disse...

Oi João seje mto bem vindo ao meu Blog, volte sempre que quiser!!!

É maravilhoso amar e ser amado!!

Bjs

Angela Guedes disse...

Olá, João!!!
Lindas as tuas palavras...
Estou passando pra te deixar um super abraço e lhe desejar uma semana maravilhosa ...
Angela

Tata disse...

Oi João,

Vim retribuir sua visita lá no meu cantinho, e adorei aqui....esse ar romântico.....suave....
Voltarei mais vezes!!!
bjinhos

Inezitah disse...

Oi João...
É só mesmo pa dizer que adorei o poema de hoje... já estou ansiosa para ver o que ai vemn para amanhã...

sabes bem que a força do amor, é a força que move o mundo... e tu com estes teu poemas magnificos dás uma ajudinha...

adoro.te meu amigão...
beijinhos doces

Ana Priscila Affonso disse...

Lindo poema !

Que você sempre possa amar com toda essa graça, com toda pureza e serenidade de um belo amor, e que seja reciproco esse sentimento.

Um dia me perguntaram sobre o amor e eu so pude responder uma unica frase que diz muito por mim :

"Ame muitas coisas, porque em amar está a verdadeira força "


Vicent Van Gogh


Um beijo no seu coração *

Tainá Facó disse...

Que coisa mais linda de se ler.

Olha, é tão bom saber que ainda existe gente de verdade no mundo: que ama! Amar é a coisa mais linda, mais transgressora e deliciosa de se sentir!


Meu beijo!

kali. disse...

Olá João, tudo bem?
Obrigada pelo recado lá no meu blog e quando quiser aparecer será sempre bem vindo!

Parabéns pelo seu lindo blog e principalmente pelos escritos nele.

Abraço.

Sonia Schmorantz disse...

Obrigado pela visita, gostei de tudo aqui também.
um abraço e boa semana

Escrevendo na Pele disse...

Oi, querido, o que vejo por aqui? Que coisa mais linda! Quanta sensibilidade em letras, quanta dedicação a esse amor, quanta harmonia se fazendo presente! Amei esse blogue, queridão. Mil beijos daqui.

Anónimo disse...

Parabéns, ótima autoria, lindo poema.

BlogBlogs.Com.Br